segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Os filhos de Jacó formaram 12, 13 ou 14 tribos?

    Visto que os dois filhos de José — Efraim e Manasses — foram relacionados entre as doze tribos de Israel, o verdadeiro número de tribos parece que era treze. Se somarmos com José serão catorze. Por que, então, a Bíblia continua a mencionar as tribos como doze, em vez de treze ou catorze? Que tribo foi posta de lado nessa contagem?

     Jacó foi pai de doze filhos, não de treze (homens). Mas em Gênesis 48.22 ele concedeu a José uma porção dobrada de sua herança, em vez de uma quantidade menor, como aos demais filhos.

“E eu te dou um pedaço de terra a mais do que a teus irmãos, o qual tomei com a minha espada e com o meu arco da mão dos amorreus”. (Gênesis 48:22)

       Isso significava que embora não houvesse uma tribo com o nome de seu filho querido, haveria duas relacionadas a José: a de Efraim e a de Manassés. Em outras palavras, a primeira seria a tribo A e Manassés a tribo B. Ambas de José. A tribo de Levi seria sacerdotal e cuidaria da parte espiritual de todas as demais. Ela não deveria receber território tribal (os levitas seriam distribuídos pelas cidades e vilas espalhadas por toda a Canaã após a conquista). Isso significa que deveriam existir apenas onze territórios, em vez de treze, não fosse o fato de as duas tribos de José compensarem a subtração da de Levi do número agraciado com território, que não recebeu uma porção de terra em herança porque os levitas exerciam a função de sacerdotes. Espalhados por todas as tribos em 48 cidades levíticas, eles ensinavam os estatutos do Senhor às tribos (Dt 33:10). No entanto, o plano de Deus era que Israel se constituísse de doze tribos, em vez de onze apenas. A duplicada honra atribuída a José quando se concedeu a seus dois filhos uma herança dobrada, deveu-se aos serviços excepcionalmente valiosos que ele prestou ao preservar toda a sua família da morte, naquele tempo de fome, ao dar-lhe abrigo e refúgio na terra do Nilo. Em Gênesis são relatadas as 12 tribos originais, mas na relação do livro de Números, Manassés e Efraim, filhos de José, substituem a tribo de seu pai, pois receberam a dupla porção de José que ficou dividida entre Manasses e Efraim, seus dois filhos de forma a preencher a vaga deixada por Levi.

Veja a diferença:

Gênesis 46                                             Números 26                                  Apocalipse 7

1. Rúben                                                  Rúben                                                Rúben
2. Simeão                                                Simeão                                              Simeão
3. Levi                                                         -                                                      Levi
4. Judá                                                      Judá                                                   Judá
5. Issacar                                                 Issacar                                              Issacar
6. Zebulom                                            Zebulom                                           Zebulom
7. José                                                         -                                                       José
8. -                                                         Manasses                                          Manasses
9. -                                                           Efraim                                                   -
10. Benjamim                                       Benjamim                                         Benjamim
11. Dã                                                        Dã                                                      -
12. Gade                                                  Gade                                                 Gade
13. Aser                                                    Aser                                                 Aser
14. Naftali                                              Naftali                                              Naftali

Mas e Apocalipse? A relação também é diferente. Por quê? 


      Na passagem do Apocalipse, José e Manassés são contados em separado, possivelmente indicando que José e Efraim (filho de José) são contados como uma única tribo. Dã é omitido nesta relação, possivelmente porque os danitas tomaram a sua porção pela força numa área ao norte de Aser, separando-se de sua herança original que era ao sul num ato de agressão não provocada, segundo Juízes 18.27. Além disso, os danitas foram a primeira tribo a ir para a idolatria, trazendo consigo uma estola sacerdotal idólatra, que haviam roubado com violência de um efraimita (Jz 18.18-26.). Levi aparece nesta relação como uma tribo separada, possivelmente porque, depois da cruz, os levitas não mais exercem o seu ofício para todas as tribos e, então, podem receber uma porção de terra por herança para si. Efraim deve ser o mesmo que "José", nessa lista; Manassés é mencionado separadamente. Visto que Efraim permaneceu na margem ocidental, enquanto Manassés se estabeleceu como "meia-tribo" na margem oriental, era razoável que se desse a Efraim a honra de levar o nome de seu pai.O importante é que em cada caso o autor bíblico tem o cuidado de preservar o número original de 12 tribos, número este que tem um significado espiritual, indicativo de uma perfeição espiritual (cf. as portas e fundações da Cidade celestial, em Apocalipse 21)

Paz á todos que estão em Cristo Jesus.
Prof. Saulo Nogueira

Referência:
Archer; Gleason L., Enciclopédia de Temas Bíblicos
Geisler, Norman; Howe, Thomas, Manual popular de dúvidas, enigmas e "contradições" da Bíblia